19.10.16

CLASSIFICAÇÃO DOS SPRINKLERS QUANTO À VELOCIDADE DE OPERAÇÃO - Tipos de Sprinklers - Resposta rápida - Resposta padrão - DIMENSIONAMENTO DE REDES DE SPRINKLERS - RICARDO JORGE VAZ DA SILVA - Porto-Portugal

CLASSIFICAÇÃO DOS SPRINKLERS QUANTO À VELOCIDADE DE OPERAÇÃO

ASPETOS GERAIS

Esta grandeza só é possível ser classificada e mensurável, com recurso a um método de medição, desenvolvido pela Factory Mutual (FM). Este método atribui o conceito “Response Time Index” RTI, (Índice de Tempo de Resposta), com recurso a um instrumento de medida chamado “forno de imersão”, é possível avaliar o tempo de resposta do elemento sensível.

O procedimento que envolve esta medição, consiste na colocação do sprinkler para avaliação (em condições ambiente normais), dentro do forno de imersão, onde se faz circular uma corrente de ar a uma temperatura e velocidade constantes. O tempo medido em segundos que o elemento sensível do sprinkler leva para atingir 63 % da temperatura da corrente de ar, é denominado de “fator tau”.

Este fator multiplicado pela raiz quadrada da velocidade do ar fornece o número correspondente ao RTI do sprinkler [26].





TIPOS DE SPRINKLERS


A norma NFPA 13 [9], quanto à velocidade de operação classifica o sprinkler como:

- Sprinkler de Resposta Rápida (Fast Response): tem um tempo de resposta térmica extremamente rápido que pode chegar a 6x mais rápido do que o sprinkler automático de resposta normal. Possui um elemento sensível com um RTI igual ou inferior a 50 (metros/segundo)1/2;


- Sprinkler de Resposta Padrão (Standard Response): possui um elemento sensível com um RTI igual ou superior a 80 (metros/segundo)1/2


Nenhum comentário:

Postar um comentário