17.6.16

GOLPE DE FRIO / CONGELAMENTO - SINAIS E SINTOMAS - O QUE DEVE FAZER - O QUE NÃO DEVE FAZER - Note bem - Como se Prevenir - MANUAL DE PRIMEIROS SOCORROS - SITUAÇÕES DE URGÊNCIA EM CEI, EMEI E EMEF

GOLPE DE FRIO / CONGELAMENTO


O golpe de frio/enregelamento é uma situação resultante da exposição excessiva ao frio, existe uma evolução progressiva que vai do torpor ao enregelamento e, por último, à gangrena e mesmo à morte.



SINAIS E SINTOMAS


Deve-se pensar na possibilidade de golpe de frio ou enregelamento sempre que haja um ou mais dos seguintes sinais e sintomas, variáveis de acordo com a gravidade da situação:

• Arrepios.
• Torpor (sensação de formigueiro e adormecimento dos pés, mãos e orelhas).
• Cãibras.
• Baixa progressiva da temperatura, extremidades geladas.
• Insensibilidade às lesões.
• Dor intensa nas zonas enregeladas.
• Gangrena.
• Estado de choque.
• Coma.


O QUE DEVE FAZER


Depende da gravidade do estado da vítima, deve:

• Desapertar-lhe os sapatos e pedir à vítima que bata com os pés no chão e as mãos uma na outra para reativar a circulação.
• Envolver a vítima em cobertores.
• Dar-lhe bebidas quentes e açucaradas.

Nos casos mais graves, a situação pode evoluir para o estado de choque. Trata-se de uma situação grave que necessita transporte urgente para o Hospital.


  
O QUE NÃO DEVE FAZER

• Mexer nas zonas do corpo congeladas.
• Iniciar o aquecimento por um banho quente.
• Dar a beber bebidas alcoólicas.


Note bem

O enregelamento é agravado pelo frio úmido, calçado apertado, fadiga, posição de pé e ingestão de bebidas alcoólicas.


Previne-se:

• Evitando a imobilidade e o excesso de cansaço.
• Habituando-se progressivamente ao frio e à altitude.
• Fazendo uma alimentação com refeições frequentes e ricas em hidratos de carbono.
• Não ingerindo bebidas alcoólicas.

• Utilizando roupas amplas e quentes, calçado largo e dois pares de meias, umas grossas e outras finas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário